Terapêutica Tântrica

A psicologia é a ciência que estuda os processos psíquicos do ser. Por trás de todo e qualquer processo terapêutico, atua uma psicologia. No Tantra não é diferente! Na terapêutica tântrica, o domínio do terapeuta sobre a influência das técnicas na psique do interagente nos abre um mundo de possibilidades de cura! Por se tratar de uma terapia essencialmente corporal, muitos pensam que a mente é deixada de lado. Pelo contrário! Acessar a mente pelo corpo é um poderoso caminho de autoconhecimento.

Aí entra a psicologia: nos auxiliando a compreender com propriedade todos os processos vivenciados, deixando tudo mais claro e leve. Ela nos ensina a olhar, a escutar e a tocar o corpo do outro com respeito e responsabilidade. Para realizar atendimentos, o terapeuta bem preparado é aquele que conhece a psicologia da sua terapêutica. É aquele que olha não só para o corpo, mas para a totalidade do ser; que adentra esse misterioso campo da psique e caminha ao lado do interagente em seu processo interno.É aquele que tem ética, presença e, principalmente, que respeita a força e os limites do seu trabalho com o outro. Trabalhar com o Tantra e ter a responsabilidade de cuidar do próximo!

O poder de cura do toque

O corpo humano é um registro histórico das nossas vivências, fica tudo anotado, marcado.

Mas, nem sempre, é uma memória boa, inclusive é normal esquecer, deixar por debaixo dos tapetes. A mente-corpo, como recurso de sobrevivência, gera uma tensão muscular... Com o passar do tempo esse aspecto se cronifica, se solidifica, desenvolvendo conflitos existenciais e sendo percebido como a identidade real do ser.

Já escutei muitos relatos de pessoas que choraram em aulas de Yoga. Eu mesmo já chorei. Isso acontece pq a energia que está paralisada no ponto de tensão é liberada e começa a fluir. O que está inconsciente como a ser consciente. Nos nossos trabalhos com Tantra, também pudemos observar muitos casos de corpos duros, rígidos. Essa rigidez tem fundo emocional, ou seja, o toque, muitas vezes sutil, tem como intenção torná-lo consciente dessas áreas no seu corpo, do significado emocional ligado a sua história pessoal. Por isso a Massagem Tântrica não é apenas uma simples massagem, a porta da dor pode ser a porta do prazer, do êxtase.

O toque, assim como o Yogasana, são psicofísicos: acontecem no corpo físico e agem nas camadas subjetivas do ser. O toque profundo proporcina o resgate da essência genuína, a cura pelo poder do toque! Nos dias de hoje, as pessoas estão procurando as terapias corporais mais e mais, às vezes sem entender o motivo... Digo para você: é a necessidade sentir, então sente!

Texto Equipe Aos Caminhos, Ilumina.

​© 2023 por Aos Caminhos. Todos os direitos reservados.